Um homem suspeito de matar o pediatra Júlio César de Queiroz Teixeira dentro da clínica onde ele trabalhava, foi preso na tarde da última segunda-feira, 27, na cidade de Barra, no oeste da Bahia. O cúmplice que levou o suspeito de assassinato até a clínica onde o crime ocorreu também já foi localizado.

O delegado Jenivaldo Rodrigues informou que o homem responsável por levar o suspeito a clínica está no Tocantins. Informações iniciais indicavam que ele também havia sido preso, o que não ocorreu.

No crime que aconteceu na última quinta-feira, 23, um homem invadiu a clínica utilizando um capacete, seguiu sem ser incomodado até o consultório do pediatra e o baleou com quatro tiros, acertando cabeça, tórax, pescoço e braço. Uma criança que estava acompanhando da sua mãe em uma consulta presenciou todo o crime.

By admin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *